Terça-feira, 10 de Junho de 2008

Para eles é fácil assumir.....

Actrizes e actores gays rompem «armário de vidro» de Hollywood
O chamado 'armário de vidro' de Hollywood pode não se ter aberto por completo, mas está no bom caminho. Com séries como The L World, Will & Grace e a aprovação dos casamentos homossexuais pelo Supremo Tribunal da Califórnia, a orientação sexual já não parece ser um obstáculo.
 

O Supremo Tribunal da Califórnia deu a aprovação final aos casamentos homossexuais no Estado, abrindo o caminho para Ellen DeGeneres e sua namorada de há quatro anos, a actriz Portia de Rossi, sacramentarem sua união.

Na semana passada, a actriz Lindsay Lohan, 21 anos, foi tema de especulações em revistas de celebridades, segunda as quais a jovem teria um caso com a sua amiga Samantha Ronson, o que levou alguns em Hollywood a incentivá-la a assumir o relacionamento publicamente.

Se o fizer, talvez não prejudique a sua carreira, como quase certamente teria ocorrido há alguns anos.

Na verdade, muitos gays e lésbicas em Hollywood dizem que não foram prejudicados pela sua orientação sexual.

«Não observei nenhuma diferença depois de 'sair do armário'», disse a estrela da «Anatomia de Grey», T.R. Knight, à Reuters num evento promovido em West Hollywood para saudar os casamentos gays.

Mas Knight, que foi forçado por um colega a assumir a sua condição de gay em público, observou que tem um emprego regular, o que não é o caso de todos.

O actor Rock Hudson manteve sua homossexualidade em segredo durante décadas, temendo que isso pudesse prejudicar sua possibilidade de fazer papéis de protagonista. Quando morreu de SIDA, em 1985, chocou o público americano.

Quando Ellen DeGeneres saiu do armário publicamente, no final dos anos 1990, causou sensação.

No início desta década, Will & Grace fez sucesso entre a crítica e o público ao contar as aventuras da amizade entre dois homens gays e duas mulheres heterosexuais.

Mesmo assim, especialistas dizem que o «armário de vidro» ainda existe para alguns actores. Mas, pelo facto de celebridades abertamente gays como Knight, DeGeneres, De Rossi e Rosie O'Donnell estarem a quebrar barreiras, o armário já apresenta algumas falhas.

Ilene Chaiken, criadora e produtora executiva de The L Word, popular série sobre um grupo de amigas lésbicas, disse que dentro em breve qualquer estigma contra gays será irrelevante.

«Os nossos jovens acham absurdo que os gays não se possam casar. Quando se tornarem a cultura consumidora dominante, a maioria desses problemas já terá deixado de ser problema», afirmou.

publicado por mirandelagay às 00:07

link do post | comentar | favorito
|
Concorda com o Casamento entre Pessoas do mesmo sexo?
SIM
NÃO
= ver resultados =

.posts recentes

. Transexual Grávido

. Ele à cada bicha

. A história vai dar-lhe ra...

. Casamento Civil entre pes...

. Este portugal envergonha-...

. Donativo sexy

. ...

. Países e Religiões de Mer...

. Histórias do Arco da Velh...

. Entre o mal e o Pior...

Free Hit Counter
Free Counter

.NEWS

.links

.tags

. todas as tags

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

Free Hit Counter
Free Counter

.NEWS

blogs SAPO