Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008

Iraniano Gay condenado à Morte

Gay pode ser condenado à morte

2008/02/25 | 22:21
Iraniano está em Londres e pode ser deportado. MNE de Itália faz apelo

O Ministério dos Negócios Estrangeiros de Itália pediu hoje ao governo de Londres que não permita a deportação para o Irão de Medhi Kazemi, que pode ser condenado à morte no seu país por ser homossexual.

O pedido, segundo um comunicado da chancelaria italiana, foi feito pelo chefe do Gabinete do Ministério, o embaixador Ferdinando Nelli Feroci, através de telefonema para o encarregado de Negócios britânico em Roma, Alastair McPhail.

Fonte: PortugalDiário

 

Isto é uma vergonha autêntica para a nossa humanidade em pleno século XXI.

Qual a vossa opinião? 

publicado por mirandelagay às 00:19

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2008

Sugestão de Fim de Semana - Jeremy Lory

Um encanto não acham?

publicado por mirandelagay às 22:37

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 21 de Fevereiro de 2008

Nunca esquecer Gisberta!

Gisberta - 2 Anos Depois

 

O movimento Panteras Rosa, que combate a discriminação em função de orientações sexuais, assinala sexta-feira o segundo aniversário da morte do transexual Gisberto Júnior (conhecido como Gisberta ou Gi) com iniciativas artísticas no Porto e políticas em Lisboa.

Tiago Braga, um dos responsáveis do movimento Panteras Rosa - Frente de Combate à Lesbigaytransfobia, contou à Lusa que para o Porto estão previstas uma representação teatral e a pintura de um mural.

As iniciativas decorrerão cerca das 19:45 na Avenida de Fernão de Magalhães, junto ao imóvel abandonado onde, de acordo com um comunicado do movimento, Gisberto Júnior foi "torturado e lançado a um poço por um grupo de rapazes".

Em Lisboa, o movimento participa numa audiência parlamentar sobre a discriminação e o não reconhecimento de protecção e direitos às pessoas transexuais ou transgéneros.

A audiência está marcada para as 17:30 e é promovida pelo Bloco de Esquerda (BE), confirmou já este partido político, em comunicado.

A escolha deste dia para a audiência decorre da circunstância de passarem precisamente dois anos sobre o data (22 de Fevereiro de 2006) em que a violência sobre transexuais "ganhou maior visibilidade pública no nosso país, por causa do assassinato de Gisberta", explica o BE.

A formação política reconhece que, do ponto de vista político, "tem havido avanços importantes no combate à homofobia", mas não quanto à identidade de género.

Os maus-tratos a Gisberto Júnior foram perpetrados no parque de estacionamento do prédio inacabado, onde o transexual - que ali vivia em estado de saúde agónico - viria a ser atirado para um fosso, morrendo por afogamento.

As autoridades imputaram os crimes a 14 jovens, a maioria internos da Oficina São José, uma instituição de acolhimento de menores em risco, tutelada pela Igreja Católica.

Um desses jovens, actualmente com 18 anos, está a ser julgado nas Varas Criminais do Porto, estando a próxima audiência marcada para a tarde do dia 28.

O rapaz é acusado de ofensa à integridade física qualificada (três crimes, cada um punível com três a 12 anos de pris��o) e de um crime de omissão de auxílio, penalizado com prisão até dois anos ou multa.

Os outros 13 menores já foram julgados no Verão de 2006 no Tribunal de Família e Menores do Porto, por co-envolvimento no caso.

Foram condenados por ofensa à integridade física qualificada, profanação de cadáver tentada e, em alguns casos, por omissão de auxílio, com medidas tutelares de internamento em centro educativo até de 13 meses

Gisberta, descansa em PAZ!

publicado por mirandelagay às 23:10

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 17 de Fevereiro de 2008

1º Casamento Gay no Religioso

Dois galeses casaram-se em Espanha em confissão religiosa integracionista

O primeiro casamento religioso entre dois homens realizou-se numa capela da ilha de Gran Canária, em Espanha. Segundo a agência EFE, os noivos, os galeses David e Gary, contaram com a presença de uma centena de convidados e alguns curiosos que não resistiram a espreitar este enlace tão especial.

O casamento foi celebrado na igreja de San Sebastián, uma igreja independente, integracionista e próxima do protestantismo. David e Gary, de 49 e 47 anos, são ambos católicos, mas decidiram casar-se nesta igreja por aceitar casamentos entre noivos do mesmo sexo.

 

E como em qualquer casamento, os noivos, vestidos de branco e azul, estavam nervosos e muito emocionados. Entraram na igreja ao som do «Ave Maria» e entre os convidados também houve quem não conseguisse conter a emoção. Durante a cerimónia foi ainda possível ouvir o hino do País de Gales, terra natal dos noivos, que vivem na Gran Canária há três anos.

Amigos e vizinhos estavam felicíssimos pelo casal. «São óptimas pessoas e estão muito apaixonados», diziam.

No final, os noivos casaram pelo civil e seguiram para lua de mel

Fonte: Portugal Diário

publicado por mirandelagay às 23:25

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 4 de Fevereiro de 2008

Patriot Ass

publicado por mirandelagay às 18:15

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2008

Casamentos Gay arrastam-se no Parlamento

Lisboa, 23 Jan (Lusa) - Os dois projectos de lei, do PEV e do Bloco, sobre casamentos de pessoas do mesmo sexo, continuam sem data marcada para discussão no Parlamento, quase dois anos depois de terem sido apresentados.

Na agenda da reunião de hoje da comissão de Assuntos Constitucionais esteve prevista a indicação de nomes para um grupo de trabalho que vai analisar os projectos do PEV e do BE, mas a decisão voltou atrás por questões processuais.

O presidente da Comissão, Osvaldo de Castro, explicou à Lusa que o grupo de trabalho não podia ser constituído porque os diplomas ainda não foram discutidos na generalidade, em plenário.

Só depois disso, e entrando os projectos de lei na fase de discussão na especialidade, é que poderá ser criado o grupo de trabalho, com deputados de todos os partidos, para apreciar a lei.

Dado que, explicou Osvaldo de Castro, os dois diplomas são anteriores à entrada em vigor do novo regimento da Assembleia da República, não há qualquer prazo para a sua discussão.

O seu agendamento depende, não só da vontade dos partidos proponentes, mas também de uma decisão da conferência de líderes parlamentares.

Os deputados da Juventude Socialista (JS) têm um ante-projecto sobre casamentos homossexuais, mas não chegaram a entregá-lo na mesa da Assembleia da República.

Há dois anos, quando Verdes e bloquistas apresentaram os seus projectos de lei, tanto a JS como o PS, que suportam a maioria, remeteram a discussão dos casamentos "gay" para o ano passado, o que não aconteceu.

A primeira bancada a apresentar um projecto, a 01 de Fevereiro de 2006, foi o Bloco de Esquerda, que permite que os homossexuais possam casar-se, alterando o artigo 1577 do Código Civil que define o casamento como um contrato "entre duas pessoas de sexo diferente".

O diploma estabelece que "casamento é o encontro de vontades, solenemente formalizado, de duas pessoas que pretendem constituir uma família mediante uma plena comunhão de vida".

A apresentação do projecto aconteceu no mesmo dia da primeira tentativa, em Portugal, de casamento homossexual, numa conservatória de Lisboa, recusado semanas mais tarde.

Um mês depois, a 02 de Março, o Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV) entregou um projecto para legalizar o casamento entre homossexuais, também através de uma alteração ao artigo do Código Civil que estabelece a "noção de casamento".

Pela proposta do PEV, o artigo 1577º (noção de casamento) passaria a ter a seguinte redacção: "Casamento é o contracto celebrado entre duas pessoas que pretendem constituir família mediante a plena comunhão de vida, nos termos das disposições deste Código".

Fonte: Sapo.pt

publicado por mirandelagay às 20:41

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 22 de Janeiro de 2008

Actor de BrokeBack Moutain Morreu

Heath Ledger morreu.

O actor foi encontrado sem vida no seu apartamento de Nova Iorque O actor Heath Ledger foi hoje encontrado morto no seu apartamento de Nova Iorque, possivelmente vítima de uma overdose, revelou a polícia norte-americana

Ledger, 28 anos, nascido na Austrália e famoso pelo filme "Brokeback Mountain", foi encontrado no seu apartamento na zona do SoHo, em Manhattan, por uma empregada doméstica.

Paul Browne, porta-voz da polícia de Nova Iorque, informou: “estamos a investigar a possibilidade de uma overdose”.

Ledger teve uma nomeação para o Oscar pelo seu papel em "Brokeback Mountain," onde conheceu a mulher, a actriz Michelle Williams, em 2005. Ledger e Williams viviam em Brooklyn e tinham uma filha, Matilda, mas separaram-se no ano passado.

Ledger desempenhou o papel de filho suicida de Billy Bob Thornton em "Monster's Ball" e participou em "A Knight's Tale" e em "The Patriot".

PAZ À SUA ALMA!!!

publicado por mirandelagay às 23:32

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2008

Punheta a dois

publicado por mirandelagay às 22:58

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007

Locais Gay no Distrito de Bragança

 

Existem Locais de Engate no distrito de Bragança?

Vamos elaborar um guia do engate!

Envia-nos os locais da tua cidade para:

mirandelagay@sapo.pt

Esperamos por ti!

publicado por mirandelagay às 23:44

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Concorda com o Casamento entre Pessoas do mesmo sexo?
SIM
NÃO
= ver resultados =

.posts recentes

. Iraniano Gay condenado à ...

. Sugestão de Fim de Semana...

. Nunca esquecer Gisberta!

. 1º Casamento Gay no Relig...

. Patriot Ass

. Casamentos Gay arrastam-s...

. Actor de BrokeBack Moutai...

. Punheta a dois

. Locais Gay no Distrito de...

Free Hit Counter
Free Counter

.NEWS

.links

.tags

. todas as tags

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

Free Hit Counter
Free Counter

.NEWS

blogs SAPO